Você é um chocólatra? Todo mundo adora um doce algumas vezes, todavia se você não pode ficar um dia sem um pedaço de chocolate, é possível que você possui um problema. Até alguém com o paladar mais doce é capaz de superar esta dependência. Analise se você é viciado nessa gostosura e saiba o que fazer para deixar de ser um viciado.
vicio-por-chocolate O primeiro passo é detectar os sintomas. Nem todos os especialistas no terreno da psicologia enxergam o desejo voraz por chocolate como um legítimo vício. Apesar disso, determinados cientistas acham que a liberação de endorfinas propiciada pelo consumo de chocolate cria uma compulsão física para obter um bom humor, indicando que seja possível viciar-se pela gostosura.
Veja se você sente que seu desejo por chocolates é definitivamente verdadeiro e muito difícil de administrar. Estes são capazes de ser muitos dos sinais: Você se sente “condicionado” e passa a precisar do doce em certos momentos do dia, como logo após o almoço, por exemplo? Somente de pensar no chocolate ou vê-lo na prateleira do hipermercado faz você babar? E, na ocasião em que você está apreensivo, comer um chocolate faz você se sentir mais descontraído e radiante?
Respondidas as perguntas afirmativamente e confirmada a sua dependência por chocolates, analise se isto é um problema em sua vida. Pergunte-se se a absorção exagerada da guloseima fez um estrago na sua dieta, ampliando seu peso e reduzindo sua absorção de alimentos com alto teor nutricional. (Embora o chocolate tenha determinados proveitos, o teor de gordura e sacarose são bem altos).
Analise se você não se sente feliz até que tenha consumido chocolate no decorrer do dia. Para ter o chocolate você chega a desviar do seu caminho para o trabalho a fim de comprar o doce, sentindo pânico de imaginar ficar sem ele a seu alcance.
Você ainda pode até estar tendo enxaquecas após consumir chocolate, todavia nem o fato de você relacionar a dor à absorção do doce faz você refletir em parar de comê-lo.

Descubra a fonte do vício

Você já se declara um chocólatra, já compreende que isto não é interessante para sua saúde, todavia ainda não sabe o motivo deste vício. É hora de encontrar a razão. Há uma série de possibilidades que podem estar alimentando seu vício por chocolates. As causas emocionais são uma delas. Você está sentindo-se deprimido, desassossegado, deprimido, decepcionado, inquieto com questões não resolvidas e o chocolate se tornou uma importante fonte de elevação de seu humor.
Outra causa pode ser a substituição de uma refeição pelo chocolate. Você está faminto e o chocolate é aproveitável, prontamente acessível e barato. Isso é capaz de ser principalmente provocante se este doce estiver na sua gaveta do trabalho ou na bolsa. Ou, talvez você encontre-se de dieta e você se sinta destituído de alimentos prazerosos, que você em geral gostaria de ingerir, então você está escapando, sem levar em consideração a quantidade calórica do chocolate na sua alimentação.
Depois de localizar o motivo, trate-a de forma salutar e tranquila. Embora você tenha alergia a chocolates, você não precisa desistir totalmente dele, porém minimizar sua absorção. Há determinados meios para controlar sua ânsia por chocolates. O mais crucial é tomar a decisão de parar de ingerir de maneira exagerada a guloseima e de utilizá-lo como uma muleta. É essencial querer esta mudança, do contrário, você não irá conseguir.
Procure uma fonte de energia alternativa, ingerindo mais proteínas e sementes no almoço. Coma frutas e legumes, porte certas nozes e sementes na bolsa, coma bolachas sem gordura e tome mais água. Coma chocolates só como um agrado esporádico e não como um lanche.
Diminua a quantidade de chocolate consumido uma vez por semana. E, ao comê-lo, preste atenção em desfrutar e alongar a experiência. Experimente uma barra de chocolate de cacau de oitenta por cento (isso conterá bem menos sacarose). Mude a rota no supermercado e evite passar pelas gôndolas de doces. Não existe nada nutritivo naquele corredor!
Perceba o que esperar, já que você reduz a absorção de chocolates. Você pode experimentar sintomas de abstinência como os da cafeína e você pode ser tentado a trocar o chocolate por outras guloseimas como doces, biscoitos e pudins.